27 de jan de 2011

Capitulo 15 – Here I Am

- Eu estou aqui – ele ouviu a voz suave de Amanda vindo de entre as flores.

Quando chegou até ela, ela estava sentada no chão com as pernas cruzadas em suas mãos havia uma rosa vermelha e o chaveiro de caveira com olhos de coração que portava a chave do Jeep. Sentando se ao lado dela, Jesse tocou levemente seu rosto colocando uma mecha de seu cabelo atrás da orelha.

- Esta começando a acontecer – disse ela com a voz fraca.


Os olhos de Jesse estavam maiores como duas azeitonas verdes, as palavras pareciam não querer sair ela podia sentir seu lábio inferior tremer, definitivamente odiava chorar, odiava ter que admitir que estava prestes a desistir do homem que ela... amava. Essa ideia era de mais pra ela, nos oito meses que largara o tratamento conheceu vários caras, mas eles foram embora e ela nem sequer lembrava os nomes deles, mas esses quase quatro meses em que esteve com Jesse o que sentia era único, era uma coisa que não podia sentir, não era justo sentir. Com a cabeça atordoada e o coração apertado ela caiu em lágrimas nos braços de Jesse, ele a abraçou com força e afagou seu braço.

- Eu não vou deixar você – a frase dele caiu como uma bomba sobre seus ouvidos, ela tinha que dizer.

- Eu vou ficar bem, eu vou pra casa – ela sorriu secando as lágrimas com as costas das mãos, ainda segurava a rosa e as chaves do carro em uma delas – mas você não pode ficar comigo, não é justo.

- Eu não me importo, eu quero cuidar de você...

- Você não entende Jesse – ela o interrompeu – eu não quero que você veja isso – as lágrimas invadiram seu rosto novamente.

Jesse a puxou para seu colo e seus lábios se tocaram num misto de amor, tristeza e medo. Estava claro que nenhum dos dois queria deixar, nenhum deles estava pronto para isso, ninguém nessa situação estaria, mas agora, mais do que nunca, Amanda precisava ser forte.

- Se você me deixar agora, tudo que tivemos vai ser forte e bonito, e saber disso vai ser a minha força, você mudou a minha vida, você me fez sentir uma coisa que eu nunca achei que teria a oportunidade de sentir.

- Eu te amo Amanda.

- E eu te amo Jesse.

Seus lábios se tocaram novamente, o calor e a energia que os envolvia era estranhamente incomum, era como se eles pegassem fogo por fora e congelassem por dentro.

2 comentários:

Lolis disse...

Nossa, que profundo!:O
OMG! Ele é tão fofo com ela...
gosto muito...
Obrigada pelo selinho, querida!
Bom Fim de Semana!Bjus

⋆ ─ It's Jessica Z! disse...

Obrigada por ler linda *-* vou postar a continuação ♥